Quantas redações devo escrever por semana?

Quantas redações um vestibulando deve fazer semanalmente para treinar para ENEM e outros vestibulares? O Pró tira esta dúvida!

Resultado de imagem para escrever

A Redação é uma das maiores preocupações dos vestibulandos. Também pudera, não é assim tão fácil escrever um texto com bons argumentos, articulado, coeso, coerente, de acordo com as normas gramaticais e, principalmente, de acordo com o tema proposto na prova. Essa situação se agrava ainda mais por ter um tempo determinado para desenvolver esse texto, além da pressão de estar enfrentando a maratona de provas.

Sim, estamos falando de uma maratona. Então, nada mais junto que você se prepare para ela. Para fazer uma boa redação você precisa praticar insistentemente. Quanto mais você escrever, mais afiado vai estar para mandar bem na hora do vestibular.

Vamos direto ao ponto: o ideal é que você escreva pelo menos uma redação por semana. Não existe um número específico, o mais importante é você se manter ativo, sempre praticando. Pense que escrever é como praticar um esporte, quanto mais você pratica, mais preparado vai estar. Se você ficar um tempo sem treinar ou sem dar a devida atenção, não vai conseguir ter o desempenho almejado. Não há formula mágica que faça com que você escreva bem sem ser escrever, escrever e escrever.

Depois desse balde de água fria, vamos te dar o caminho das pedras para que você pratique Redação e, de fato, entre em sintonia com a escrita. Você já sabe para qual universidade vai prestar o vestibular, certo? Então, pesquise os editais para saber as modalidades textuais pedidas e busque as últimas provas de Redação para se familiarizar com elas. É importante observar nelas:

– Os tipos de proposta de redação: aqui você vai pesquisar se o vestibular costuma solicitar a tradicional dissertação, ou se opta por modalidades mais diversificadas e criativas.

– O estilo de temas: faça um levantamento dos temas observando se são relacionados a atualidades, as obras literárias de leitura obrigatória para o vestibular, se pedem textos mais criativos, como uma narração, ou em formatos específicos, como o caso de uma carta.

– Os pontos que vão ser avaliados de acordo com o edital: o edital do vestibular já costuma destacar os pontos que vão ser avaliados na redação do aluno e os pontos que ponde desclassificar o vestibulando. Vale ficar bem atento a esses aspectos e evitar surpresas.

Feito esse estudo prévio de como funciona a modalidade de Redação no vestibular que você pretende fazer, separe os temas que caíram nos anos anteriores, como isso você já tem uma boa diretriz para começar a treinar.

Em resumo:

– Leia o edital do vestibular.

– Veja os tipos de textos solicitados.

– Pesquise e separe os temas que caíram nas provas dos últimos anos.

– Escreva pelo menos um texto por semana.

Importante!

Mantenha-se bem atualizado: É muito importante que você esteja bem antenado com os assuntos mais comentados nos noticiários, jornais e revistas. Se não é possível ver os jornais todos os dias, coloque “atualidades” com um dos itens de sua rotina de estudo, dedique-se para estar bem informado. Você pode listar alguns temas de atualidades e escrever redações sobre eles. É fácil, você pode, por exemplo, pegar duas reportagens que falem sobre a crise hídrica, lê-las com atenção, destacar os pontos relevantes e em seguida desenvolver sua redação sobre a temática.

CONFIRA: Como estudar atualidades para o vestibular?

Resultado de imagem para student reading newspaper

Leia: Você pode fazer uma pesquisa sobre redações que atingiram a notas máximas nos vestibulares e no Enem. Assim, você poderá observar as características desses textos e ter um parâmetro para aprimorar o seu próprio texto. Além dessa leitura de redações, em específico, você já deve estar careca de saber que ler ajuda a escrever bem. Isso por que o ato de ler faz com que nos familiarizemos com a modalidade de texto escrito, além de criarmos um repertório de referências. De quebra, internalizamos regras de gramática de um modo mais natural. Então, separe alguns livros de acordo com o seu gosto pessoal e boa leitura!

Aperfeiçoe sua escrita: Também é importante você conseguir avaliar seus pontos fortes e os que você precisa aprimorar. Por isso, a autocorreção é fundamental. A dica é deixar o texto de lado por pelo menos 30 minutos e depois voltar a ler. Com isso, você vai conseguir lançar outro olhar para o texto, e perceber os errinhos e pontos em que precisa melhorar. Com o tempo, busque reler os textos que já produziu. Tenho certeza que se você praticar direitinho, vai notar uma grande diferença entre os textos produzidos em abril, para os produzidos em outubro. Acredite, seja perseverante!

Resultado de imagem para student writing

Não desista!

Muitos alunos zeram na redação. Então, se você se dedicar nesse aspecto, certamente você vai desbancar muitos candidatos. A escrita é uma dificuldade recorrente entre os vestibulandos. Boa parte dos alunos não se dedica a treinar redação, por preguiça ou até por falta de incentivo em sala de aula. Busque o seu diferencial nessa acirrada disputa por uma vaga na universidade! Se você mandar bem na redação, vai estar garantindo pontos que podem ser decisivos para a sua aprovação no vestibular!

Mão na massa!

E aí? Já separou papel lápis e borracha para começar a praticar? Não esqueça: escrever é muito mais transpiração que inspiração. Não fique esperando a tal da inspiração divina. Para aprender a fazer as melhores redações, você precisa começar a escrever desde já. E não se sinta mal se as primeiras redações não ficarem lá grandes coisas, ninguém chega ao “ótimo” sem ter passado pelo “bom”.

LEIA MAIS:

7 dicas para não zerar a redação do ENEM

Por que tantos alunos zeram a redação do ENEM?

O que são as competências da redação do ENEM?

Conheça também o site do Redação Online!


Você sabia que em nossa plataforma online é possível enviar redações e recebê-las corrigidas? E o melhor de tudo: o cadastro é gratuito!

QUERO SER PRÓ!