Como memorizar conteúdos para o ENEM e vestibular em 13 passos

Muitos alunos têm dificuldade de memorizar os conteúdos para o ENEM e vestibulares. Se você é um destes, não deixe de conferir nossas dicas!

Resultado de imagem para estudando

Caneta marca texto, post it, caderneta de anotações, macetes, esquemas ou murais: qual a sua estratégia para memorizar os conteúdos estudados para o Enem e para o vestibular? Se você prefere algo mais dinâmico, como um podcast ou uma vídeoaula, não tem problema. O importante é você encontrar o melhor método para memorizar todos os conteúdos. Encontrar o melhor método é uma maneira de não se apavorar com como armazenar tantos conhecimentos de tantas áreas diferentes. Afinal, a maratona de estudos só está começando e tem muita coisa para ser estudada e memorizada até os dias de prova. Por isso, separamos alguns métodos de memorização para que você possa escolher o que melhor se adequa ao seu jeito de estudar.

Você já observou, por exemplo, se você grava melhor os conteúdos de maneira visual, auditiva ou escrevendo? Sim, cada pessoa corresponde melhor a um tipo de estímulo. Há também os que preferem mesclar as formas de fixar os conteúdos. Se você ainda não sabe qual é jeito mais fácil para memorizar tudo e chegar afiadíssimo na hora de fazer as provas do Enem e do vestibular, confira as 13 dicas que preparamos para que você memorize os conteúdos. Certamente, você vai encontrar a maneira que melhor se adequa a sua dinâmica de estudos, vamos lá!

Para os ouvidos atentos

Resultado de imagem para MUSICA estudar

  1. Podcast: Hoje em dia, existem muitas formas de produzir conteúdo, e quem ganha com isso somos nós, que podemos escolher como queremos consumir esse conteúdo, seja por áudio, vídeo ou o velho e bom texto escrito. Já pensou em como pode ser prático selecionar alguns podcasts com conteúdos que caem no vestibular para ouvir no ônibus ou enquanto organiza a casa? Separe alguns áudios e experimente.
  2. Ler em voz alta: Ler em voz alta é um exercício bem interessante, pois além de você ler a matéria, você também está a escutando. Ou seja, você está utilizando dois métodos de memorização ao mesmo tempo.
  3. Áudio livros: Você pode recorrer a obras literárias em formato de áudio, isso pode fazer com que você otimize seu tempo de estudo, ou o torne menos monótono.

Para os que preferem visualizar os conteúdos

  1. Desenhar: Uma boa forma de esmiuçar os conteúdos é montando gráficos, tabelas e planilhas. Esses recursos podem fazer com que o conteúdo fique ainda mais claro, e no processo de fazer esses desenhos você estará memorizando.
  2. Videoaulas: Buscar videoaulas das matérias estudadas no dia é outro método interessante, assim você fixa o conteúdo e ainda pode ver a matéria explicada de outra maneira. Sem falar que você pode pausar o vídeo e retomar quantas vezes quiser. Confira o nosso canal no youtube, que possui centenas de videoaulas!
  3. Painéis: Que tal mudar um pouco a decoração do seu quarto? Isso mesmo, você pode montar um painel com as principais dicas e macetes. Outra sugestão é pendurar um quadro branco e utiliza-lo para anotações importantes.

Grupos de estudos

Imagem relacionada

  1. Aprender ensinando: Nada melhor para ter certeza de que você aprendeu um conteúdo do que explicá-lo para outra pessoa. Experimente fazer isso com seus amigos. Se você manda muito bem em física, ofereça-se para ajudar um amigo que tenha dificuldade. Quem sabe ele também possa te ajudar com outra disciplina.
  2. Tirar dúvidas com monitores: Recorrer aos monitores de disciplina é uma forma de ter uma explicação da matéria por outra perspectiva, além de você poder pontuar exatamente qual a sua dúvida e saná-la de uma vez por todas.
  3. Aula particular: Caso você percebe que existe uma matéria que você tem muita dificuldade, seria ótimo você buscar o acompanhamento de um professor particular. Logo as chances desse conteúdo se automatizarem em sua mente serão bem grandes.

Tome nota

  1. Fichar: Destacar trechos relevantes dos textos, fazer pequenas anotações em post its são bons recursos para os amantes da escrita. Anotar faz com que você fixe o conteúdo, além de poder revisitar esse material para relembrar o que já foi estudado.
  2. Resumir: Sem dúvidas, escrever o que foi estudado com suas próprias palavras é um jeito bem claro de ver o que você apreendeu dos conteúdos. Se você consegue escrever sobre tal matéria, é porque você de fato aprendeu sobre ela, além de ser mais uma oportunidade de treinar a escrita e a forma como você organiza suas ideias no papel, excelente exercício para ajudar na redação.

Um pouco de tudo

  1. Seja dinâmico: Você não precisa se ater a um método de estudos. Selecione os métodos de memorização de seu agrado e vá utilizando de acordo com o que funciona melhor com cada matéria ou com sua preferência no dia.
  2. Revise: Independente do seu método de memorização, não esqueça de, de tempos em tempos, revisar os conteúdos. Isso vai fazer com eles não se percam em sua memória, além de possibilitar que você crie links entre um conteúdo e outro.
  • DICA BÔNUS: Busque relacionar os conteúdos estudados com suas vivencias no dia a dia. Seja com os acontecimentos sociais, ou com experiências particulares. Quanto mais você relacionar os conteúdos estudados com suas experiências de vida, mais fácil será para assimila-los.

Frente a tantos conteúdos a serem estudados, é normal ficar com um pouco de medo de como memorizar tudo. Não se afobe! Mantenha um bom ritmo de estudos, escolha as ferramentas ideias para que você memorize as matérias. Não acumule os conteúdos, não deixei passar as dúvidas e sempre revise. Criando uma sistemática para seus estudos, memoriza-los será uma mera consequência, acredite!


Pró Universidade Online

Já conhece o nosso cursinho online? Faça seu plano de estudos, assista a videoaulas, realize simulados e tenha acesso a conteúdos exclusivos agora!

QUERO SER PRÓ!

3 thoughts on “Como memorizar conteúdos para o ENEM e vestibular em 13 passos

Os comentários estão fechados.